quarta-feira, 14 de abril de 2010

2 anos

Poucas pessoas acompanham o blog há mais de 2 anos ou desde que ele começou. Essas poucas pessoas devem se lembrar que, de uma hora pra outra, virei uma moça comprometida. E isso aconteceu há 2 anos.
Desde então, muita coisa mudou na minha vida. Coisas que nem vou tentar explicar, porque são pessoais demais ou porque nem eu sei explicar direito.
Só consigo explicar o que é muito claro pra mim: o que sinto cresce a cada dia e nem os problemas que temos de vez em quando me fazem duvidar do amor que trago em mim.
Sou uma pessoa muito "musical". Tudo me lembra uma música e quase toda música que me agrada, acabo associando a um momento ou uma pessoa. Com o Douglas não poderia ser diferente. Tenho uma lista (literalmente falando) das nossas músicas e de uns dias pra cá, uma música em especial tem me feito pensar no quanto eu o amo e em tudo que passamos até aqui. Cada verso dela faz um sentido enorme pra mim hoje.



Eu poderia até postar uma série de vídeos e letras de músicas "nossas"(talvez eu faça isso em breve), mas esse post ficaria gigante e eu não falaria com as minhas palavras tudo o que eu sinto, não daria conta de encontrar músicas que expressassem a admiração que tenho por ele como homem, amigo, namorado, companhia e ombro pra chorar; não seria possível dizer como o acho perfeitamente lindo, com todos os detalhes que só ele tem e o tornam cada dia mais lindo, cada dia mais o meu principezinho.
Encantado ele não é, porque nunca foi sapo (e eu jamais beijaria um sapo! Credo!), mas príncipe ele sempre foi. Mesmo quando brigamos e fico muito brava com ele, fico mais brava ainda porque sei que, no fundo, ele continua sendo o meu príncipe e eu é que sou teimosa e fecho os olhos para tentar não ver o lado doce dele (por isso que tem diabetes, tadinho).
E, voltando ao início do post, quem acompanha o blog há mais tempo, deve se lembrar daquele post polêmico sobre casamento, né? Pois então, agora assumo: não penso mais nada daquilo. Quero, sim, me casar com ele um dia, quero arriscar e ver até onde conseguimos chegar porque eu acredito que podemos ir muito longe juntos. 
Se em 2 anos superamos tudo o que superamos e chegamos aos 2 anos de namoro (um recorde em tempo de relacionamento pra mim e pra ele), pouca coisa pode nos fazer desistir agora.
Te amo, Douglas, muito e cada vez mais.
Feliz aniversário pra nós!

***
Trilha Sonora: O Que Eu Também Não Entendo tá tocando na minha cabeça.

4 comentários:

Dread disse...

Uma coisa que você deveria saber, é que você tem o dom com as palavras. Várias vezes já vi você falando para alguém via as coisas compartilhadas do Reader "Fulana, escreve um livro!" e hoje eu digo o mesmo para você: Camila, escreve um livro!.

As coisas que você escreveu hoje, me emocionaram... Tô com uma cara boba aqui agora, e pensando em tudo que vivemos..

Te amo, e que venham mais dois mil anos para que possamos ficar juntos para todo o sempre.

Ellen Lacerda (Elinha) disse...

Parabéns!
Muitas felicidades para vcs dois!
Que possam sempre superar as dificuldades que qualquer relacionamento possui para seguirem sempre juntos!
xero.

l sayuri * disse...

eu lembro qdo a senhora começou a namorar!

q linda! parabéns

muitos mais aniversários pra vcs

Arquitetto disse...

quanto amor! rs